Google+ Na Estante da Biblioteca: Li até a Página 100: Máquinas Infernais

terça-feira, 22 de abril de 2014

Li até a Página 100: Máquinas Infernais



     Passado a semana de ficar atoa :)
     Voltamos ao nossos posts. o/
     Como VOCÊ, é um assíduo LAB, e sei que você já leu o post da ISA, não vou ficar explicando muito. =D
      O Meu "Li até a Página 100" será com o meu terceiro livro da Saga Mortal Engines , Hungry City Chronicles (Crônica das Cidades Predadoras), Máquinas Infernais. 
      E fique ligado aqui no Na Estante da Biblioteca, que a resenha do Segundo Livro, "O Ouro da Predador", sai em breve


E vamos aos Tópicos da Tag... o/

  • Primeira frase da página 100
       "À medida que o dirigível que a trouxera de Batmunkh Tsaka seguia para dentro do cardume de outros dirigíveis acima de Tienjing."

  • Do que se trata o livro?
      É a Continuação da história de Thomas e Hester, que tiveram uma filha chamada Wren, que já tem 15 anos.
      Como Wren nascera na cidade Ex Cidade Tracionada, Anchorage, queria muito viver uma vida de aventura em meio as "cidades em movimento" (Tracionadas) como os pais; Só que ela não imaginava que em meio a estas aventuras, proibidas pelos pais, também haveria perigos

  • O que está achando até agora?
      PERFEITO!!! Como acabei de ler "O Ouro do Predador", o livro 2 da saga, que foi muito intenso; minha mente está fresquinha com relação ao enredo da história, que segue fielmente neste terceiro livro. QUE CHEGUE LOGO O FINAL *-*

  • O que está achando da personagem principal?
        Wren, que segue como uma das personagens principais da história, é uma adolescente de 15 como o outra qualquer. Independente de estar 10 Séculos a nossa frente, ela age como nós, achando que é dona do próprio nariz, que os pais são uns chatos que não deixa ela fazer o que quer, que o considerado "maldoso" da história é "bonzinho"... Enfim, Wren, é uma típica adolescente personagem de livros... E da vida real. =P

  • Melhor quote até agora:
       "  — (...)Por favor, não quero que ninguém se machuque.
         — Devia ter pensado nisso antes — (...)Ela colocou balas nas seis câmaras e fechou, depois colocou a arma no cinto e passou por Tom até a porta, agarrando seu casaco no cabide — Acorde os outros — ela lhe disse, e saiu para a noite.  "


             Hester após acabar de descobrir que a filha havia sido sequestrada. Mesmo no mesmo dia a filha ter à chamado de chata.
             Achei isso lindo! 
             AMOR DE MÃE.
             Quem já leu os outros livro entende por que isso é lindo se tratando de Hester

  • Vai continuar lendo?
          SEM DÚVIDA NENHUMA !

  • Última frase da página:
      "Não se ajustava com a austera fortaleza de rocha que se erguia sobre Oenone, enquanto ela desembarcava (Pag. 101) no ancoradouro coberto de neve. "



       Fiquem ligados no Na Estante para ver a resenha deste livro, e do "O Ouro do Predador" que sairá em breve...
       E como disse no post anterior em breve teremos uma SURPRESA para vocês... o/

       Até a resenha Queridos LAB's =D
        Tchau!!!!
          Visite nossas Redes Sociais...


;)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...