Google+ Na Estante da Biblioteca: Livros Novos Na Estante!

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Livros Novos Na Estante!


Clássicos são clássicos!



    Olhem só as minha novas jóias! Lindas não? Minha linda tia me deu de presente. Afinal não são só os escritores estrangeiros que fazem sucesso! Clássicos nacionais (e internacionais) são sempre bem-vindos na minha estante. Se você ainda não leu, o que eu particularmente acho impossível pois todos os professores desse país já passaram esses livros para seus alunos, leiam! As histórias são lindas e cada uma em um período histórico diferente. 

    A Moreninha

Autor: Joaquim Manuel de Macedo
Sinopse: Como se manter fiel ao juramento de amor feito no passado, diante de uma nova e ardorosa paixão? É o que se pergunta Augusto ao conhecer Carolina, a Moreninha. Esta divertida história de amor retrata com perspicácia a sociedade do Rio de Janeiro do Segundo Reinado.


   A Escrava Isaura

Autor: Bernardo Guimarães
Sinopse: Romance que procura retratar a sociedade brasileira do século XIX tendo como pano de fundo a escravidão. O autor cria um romance nacional em que o amor é instrumento de denúncia da hipocrisia de seu tempo.

   Iracema

Autor: José de Alencar
Sinopse: A virgem tabajara Iracema apaixonou-se por Martim, um colonizador português. Entre guerras e conflitos, ciúmes e disputa de poder, a história desse amor proibido tem como pano de fundo a cultura indígena, com seus deuses e mitos, a miscigenação do branco com o índio e o surgimento de um novo país numa terra fértil.

   O Ateneu

Autor: Raul Pompéia
Sinopse: O Ateneu constitui uma das obras-primas da literatura brasileira. Autobiográfico, o livro mostra o jovem autor como personalidade sensível que se transformou em crítico impiedoso do que viveu e viu na adolescência passada no colégio interno. A obra retrata o doloroso processo de transição da infância à idade adulta.

    Os Lusíadas

Autor: Luís de Camões
Sinopse: Com centro na narrativa da viagem de Vasco da Gama até as Índias, Camões conta nesta epopeia a história do povo português, utilizando-se da estrutura clássica do poema épico. "Os Lusíadas" é, acima de tudo, uma declaração de amor de Camões à sua adorada terra lusitana.

   Memórias de um Sargento de milícias

Autor: Manuel Antônio de Almeida
Sinopse: Na história de Leonardo - que gosta muito mais de se divertir do que de trabalhar - o autor faz uma irresistível e bem-humorada crônica sobre o cotidiano das classes baixas do Rio de Janeiro na época de dom João VI.


Vejo vocês depois com mais comprinhas, ou presentes! 









Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...